Assessoria a você, sua empresa e ao Terceiro Setor

Área do Cliente

Acesso ao andamento dos processos

Newsletter

Previsão do tempo

Domingo - Santos, SP

Máx
22ºC
Min
18ºC
Chuva

Cotação Monetária

Moeda Compra Venda
DOLAR 3,74 3,74
EURO 4,37 4,37

Cotação da Bolsa de Valores

Bovespa 0,92% . . . .
Dow Jone ... % . . . .

Últimas notícias

Oito filmes que todo registrador civil deve assistir

A Associação dos Registradores de Pessoas Naturais do Estado de São Paulo (Arpen-SP), baseada nas sugestões do oficial de Registro Civil de Jacareí Marcelo Salaroli, indica oito filmes que abordam aspectos da vida civil, como o nascimento, o casamento e o óbito, passando por temas como o pórcio, reprodução assistida e relacionamento homoafetivo. Confira abaixo a a lista com a sinopse de cada filme: A ​Partida (Japão, 2008)​ O filme retrata a história de um músico que, para pagar as dívidas, aceita um emprego de agente funerário e descobre a dificuldade de lidar com o lado prático e emocional do óbito. Foi vencedor do Oscar de melhor filme estrangeiro. Plano B​ (EUA, 2010) A comédia, estrelada por Jennifer Lopez, aborda o uso da reprodução humana assistida por uma mulher que deseja ter um filho sem ter um companheiro, mas acaba encontrando o homem dos seus sonhos. ​Transamerica (EUA, 2005) Uma transexual está prestes a fazer uma cirurgia de redesignação sexual quando descobre que tem um filho de 17 anos, fruto de um relacionamento quando ainda era homem. Então a cirurgia é adiada para que sua questão com o filho seja resolvida. O filme rendeu o Globo de Ouro de melhor atriz para Felicity Huffman. Milk (EUA, 2008) Estrelado por Sean Penn e James Franco, o longa se passa no início da década de 70 e mostra a luta pela igualdade e pela institucionalização do casamento entre pessoas do mesmo sexo. Disposto a enfrentar a violência e o preconceito da época, o político e ativista homossexual Harvey Milk conseguiu ser o primeiro gay assumido a alcançar um cargo público de importância nos Estados Unidos. O filme recebeu Oscar de melhor ator e melhor roteiro original. Azul é a cor mais quente​ (​França, 2013) Uma garota de 15 anos descobre, na cor azul dos cabelos de outra mulher, sua primeira paixão alguém do mesmo sexo. Sem poder revelar a ninguém seus desejos, ela se entrega por completo a este amor secreto, enquanto trava uma guerra com sua família e com a moral vigente. Advertência: o filme contém cenas de sexo. Vencedor da Palma de Ouro, Cannes. Divórcio (Brasil, 2017) Divertido filme nacional ambientado na cidade de Ribeirão Preto conta a história de um casal, interpretado por Murilo Benício e Camila Morgado, que está prestes a se porciar. Cada um sai em busca do melhor advogado para defender seu patrimônio, o que torna o processo bastante conturbado. Juno (EUA/Canadá, 2007) Estrelado por Ellen Page, o filme conta a história de uma adolescente de 16 que, ao engravidar acidentalmente do amigo, decide fazer um aborto, mas ao chegar à clínica muda de ideia e passa a procurar em jornais um casal a quem possa entregar o bebê assim que ele nascer, já que não se considera em condições de criá-lo É um filme vencedor de persos prêmios e sucesso de público. Fale com ela (Espanha, 2002) Este filme conta a história de dois homens que se tornam amigos em decorrência do destino. Enquanto esperam as mulheres, pelas quais são apaixonados, saírem do estado de coma, acabam criando grande afinidade. Essa será a oportunidade para que nasça uma grande amizade entre Benigno e Marco.Oscar de melhor diretor para Pedro Almodóvar e melhor roteiro original.
Visitas no site:  121872
© 2018 Todos os direitos reservados - Certificado e desenvolvido pelo PROMAD - Programa Nacional de Modernização da Advocacia
Pressione as teclas CTRL + D para adicionar aos favoritos.